Select Page

Modos de Editar — Herança e renovação: A genealogia de um jardim

Neste 4º seminário Modos de Editar, iniciamos um novo ciclo de actuação cujo ponto de partida incide nas múltiplas possibilidades de exploração do jardim da FBAUP. Ao longo das últimas três edições debruçámo-nos na construção de um território de discussão do que significa editar e publicar, de que modo as diferentes áreas científicas da FBAUP podem contribuir para este universo. Entendemos como os indícios, acções e protagonistas exteriores à instituição pensam, investigam e praticam a edição e a publicação nos seus diferentes contextos. 
Na primeira edição descobrimos e trabalhamos sobre o acervo do fotogravador/impressor Marques de Abreu; na segunda edição partimos da Casa Soleiro para explorar a gravura a topo e as narrativas ilustradas da revista Occidente e na terceira edição, persistimos sobre o passado e o presente de um património tecnológico em continua evolução, para compreender futuro do edição e publicação num contexto pós-digital.
É partindo deste património que construímos ao longo de três anos que nos propomos construir uma nova etapa para o Modos de Editar. Nesta, revisita o que foi alcançado e propõe diferentes possibilidades de diálogo e contaminação intergeracionais. Para que estes objectivos se concretizem continuamos com a parceria do Pure Print (i2ads) e nesta edição com o Wisdom Transfer / Transferência de Sabedoria (ID+),  onde fomos encontrar outras formas de pensar o legado da FBAUP e em particular a importância das experiências pedagógicas, científicas e artísticas de docentes e investigadores aposentados. Sabemos ser necessário continuar a trabalhar sobre um legado real e metafórico comum – o jardim da FBAUP – alargar o seu património individual e colectivo, com o claro intuito de compreender, reconstruir e materializar as diferentes níveis narrativos que um jardim real secular e metafórico pode encerrar.
Recorremos à Genologia como metáfora para o fazer e o pensar sobre um conjunto de técnicas de impressão, reprodutibilidade e divulgação de imagens, que vivem e se alimentam deste património vegetal. Pretendemos explorar as possibilidades formais, estéticas e conceptuais que um espécimen vegetal pode representar, com o objectivo de compreendermos que as ligações e as metáforas biológicas entre seres vivos são constituídas por diferentes processos de hibridismo, resistência, disseminação, reconstrução ou espera. Um conjunto de acções e pressupostos que encontramos estar relacionados com a própria acção de editar e publicar no passado da FBAUP e na  contemporaneidade.
15:00 / Seminário / Sala de exposições do OMuseu
Oradores:
Paula Soares - Serigrafia - Acção Centrípta/ Centrífuga
Mantraste - Risografia, em prosa
Marília Peres - O papel dos processos fotomecânicos no desenvolvimento da Cartografia e da Medicina em Portugal no séc. XIX
17:00 
Demonstração por Prof Teruo Isomi "Esboço com xilogravura"
Bios
Paula Soares
2020 Curso Superior de Pintura Escultura - Artes Plásticas FBAUP. Bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian - Investigação em Artes Plásticas -Técnicas de Impressão. Admissão na Slade School of Arts, Londres - Printmaking. Curso de Desenho e Pintura Chinesa na Universidade do MinhoUniversidade Belas Artes de Xangai. Curso de Litografia. Trabalho em Cenografia, Design, Ilustração, Desenho, Pintura, Serigrafia, Gravura, painéis murais em Mosaico “Técnica Bizantina”. Professora na Faculdade de Belas Porto, de 1984 a 2014, em Serigrafia, Gravura e Desenho. Como Artista Plástica - realização de 12 exposições individuais e 63 colectivas em Portugal e estrangeiro. Trabalho de autor como Artista Plástica de 1978 a 2020.
Mantraste
Bruno Reis Santos, Mantraste, nasceu em 1988, é um autor, ilustrador e designer gráfico português formado na ESAD.cr. Cresceu na Natureza e é um amante do misticismo popular, conta com mais de uma centena de capas desenhadas para autores como J.G. Ballard, Ali Smith e Michel Rio entre outros e varias publicações editadas como a "Sebenta do Diabo" e "The spiritual ascencion of all the animals", etc. Para além do trabalho regular como ilustrador, já deu aulas de ilustração e risografia no Brasil, Espanha e Portugal e conta com varias exposições individuais e colectivas. Ve o seu trabalho como uma forma de reflexão sobre si próprio e os outros.
Marília Peres
Doutorada em Química pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. É colaboradora do Centro de Química Estrutural da Universidade de Lisboa e professora de Química e de Física no ensino secundário. 
Atualmente faz investigação em História da Fotografia Científica, Química Fotográfica do século XIX e História da Química.
Teruo ISOMI
(1941-) One of the representative printmakers in the Japanese printmaking world. Director of Japan Print Association. Former President of Aichi Prefectural University of Arts.Musashino Art University Visiting Professor
Seminário coordenado por Graciela Machado e Rui Vitorino dos Santos

 

 


9 mar 2020
15:00

oMuseu

 

AULAS ABERTAS ANTERIORES

Feira do Livro

Apareçam e descubram leituras para as férias!


22 a 28 junho 2017

Livraria i2ADS

Sessão Solene

Sessão Solene de abertura do ano lectivo.


22 setembro 2017 · 15:30

Aula Magna

Data as artist material // Sunčica P.K.

Esta Aula Aberta e Workshop vão explorar os tipos e formas de dados, através de exemplos de quase-história, de práticas como Arte e Linguagem até o movimento Visualização de Dados atual, para além da sua aplicação na prática artística. O workshop é aberto à comunidade, tendo lotação limitada.


12 dez 2018

16:00
PS12

Ilustração Científica // Workshop de Pedro Salgado

Este workshop é realizado no contexto da U.C. Campos e Funções do Mestrado de Artes Plásticas e tem caráter obrigatório para os seus estudantes. No entanto, aceita inscrições individuais, de fora e dentro da Universidade do Porto. As inscrições estão limitadas a 5 vagas.


16 + 30 nov 2018

Pavilhão Sul

Print Open

Workshops + Talks + Induction Courses sobre gravura


15 a 30 nov 2018

Oficinas de Técnicas de Impressão

SØS — Sunset Open Sessions / Sessão de apresentação

Um jogo que promove o tratamento da anorexia nervosa, uma plataforma educativa para a compreensão da leitura e um app que serve como guia de visita da Galeria de Biodiversidade no Porto são alguns dos projetos que vão ser apresentados dia 27 de maio, no Sunset Open Sesion. Os trabalhos foram realizados por investigadores do Curso de Especialização em Design de Interação, Web e Jogos.


27 mai 2019
17:00

UPTEC Asprela I
Rua Alfredo Allen, 455/461

PCD20

Processing Community Day 2020


13 fev 2020
Aula Magna, PS43 & PS01
09h00, PS43 Workshop de introdução ao processing (3h)

12h00, Aula Magna Keynote de Penousal Machado, CDV Lab (1h)
14h30, PS01 Open Talks. Programa a anunciar (2h)
17h00, PS43 Workshop de introdução ao Max/MSP-Jitter (3h)