Select Page

O presente e o futuro da Inteligência Artificial Criativa // Fabrizio Poltronieri

A popularização de novos sistemas de inteligência artificial, especialmente os relacionados aos campos do aprendizado profundo (Deep Learning) e visão computacional, trazem novos desafios para a área da arte e da estética.

Ainda que o uso de computadores e de técnicas de inteligência artificial não sejam novidades no mundo da arte – Harold Cohen (1928-2016), por exemplo, trabalhou em seu programa AARON por 43 anos – o novo cenário possibilita que algoritmos tenha liberdade suficiente para tomarem decisões que até então eram responsabilidade de programadores ou usuários. Cohen, cujo programa podia criar pinturas abstratas e figurativas complexas, tinha o poder de escolha e de veto, de acordo com seus julgamentos estéticos, sobre o que o AARON produzia.

O artista tembém havia meticulosamente programado cada decisão que o sistema podia tomar. Com os novos algoritmos e a abolição da necessidade de programar toda a lógica por trás dos sistemas de inteligência artificial, nós podemos delegar tarefas para sistemas autônomos cada vez mais inteligentes, incluindo tarefas estéticas e lúdicas.

Diante deste contexto, esta apresentação aborda duas questões principais, que eu venho buscando responder através de obras e projetos baseados em uma metodologia baseada na prática (practice-based research): Os futuros sistemas de inteligência artificial manterão o homem como protagonista criativo principal? Como humanos e sistemas de inteligência artificial podem interagir de maneira significativa e co-criativa em projetos conjuntos?

 

Fabrizio Augusto Poltronieri é um artista e acadêmico que explora em seu trabalho relações entre tecnologia e conceitos filosóficos, como, por exemplo, o acaso. Seu trabalho atual involve inteligência artificial, com a aplicação de técnicas de machine e deep learning para a criação de narrativas, imagens em movimento e objetos. Poltronieri tem dedicado suas pesquisas acadêmicas e artísticas ao desenvolvimento da área de computação criativa. Ele é um programador autodidata que começou a programar na infância. Sua primeigra graduação foi em matemática, é mestre em Educação, Arte e História da Cultura (Universidade Mackenzie) e doutor em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP. Poltronieri é professor do IOCT (Institute of Creative Technologies) na Universidade De Montfort, em Leicester, Reino Unido, onde ele orienta doutorados e leciona programação criativa no mestrado em Digital Arts. Seus textos e ensaios teóricos são frequentemente publicados em livros e periódicos científicos internacionais e brasileiros, tendo a Revista Brasileira (Academia Brasileira de Letras) dedicado um número a sua obra. Ele é o co-autor da segunda edição do best-seller “Explorations in Art and Technology” e vencedor do prêmio Itaú Rumos Arte Cibernética 2011, com o robô Amigóide. Em 2018 ele ganhou novamente o prêmio Itaú Rumos para desenvolver a obra “Apparatus’ Memories”, baseada em deep learning e image segmentation. Poltronieri iniciou sua carreira artística como fundador do grupo [+zero] em 2006, que em seus 13 anos participou de importantes exposições e festivais internacionais, como o Ars Electronica, em Linz, Áustria, apresentando obras e performances ao vivo, sempre jogando com a relação homem-aparelho. Em sua carreira individual, Poltronieri se tornou um artista premiado, com uma longa lista de exposições na Europa, Brasil e Ásia. Suas obras estão em coleções proeminentes, como a do Victoria & Albert Museum, em Londres. Fabrizio Poltronieri (1976) nasceu em São Paulo e atualmente divide seu tempo entre Leicester (Inglaterra) e Berlim (Alemanha).

ORG: Departamento de Design

 


22 out 2019
10:00

Auditório Pav. Sul

 

AULAS ABERTAS ANTERIORES

Visual Spaces of Change

Este projecto pretende criar uma rede de espaços e instituições públicas com a missão de comunicar de forma crítica e inovadora, dinâmicas de transformação e apropriação do espaço público na área metropolitana do Porto.


19 fev 2019
18:00

Pav. Sul PS 13B

Coreia / Lançamento de Revista

Lançamento de Revista, editado pela Circular Associação Cultural, com Direção Editorial de João dos Santos Martins


21 fev 2019
17:00

Aula Magna

Primeira Avenida / Duplo Sentido – Empenas Cegas

Visita acompanhada às intervenções nas EMPENAS CEGAS que integram o Projecto PRIMEIRA AVENIDA / DUPLO SENTIDO em Vila Nova de Gaia, com a presença dos autores e de representantes da Faculdade de Belas Artes, da Universidade do Porto e do Município de Vila Nova de Gaia. 


17 setembro 2019
18:00
Ponto de encontro:

Estação de Metro D.João II, Vila Nova de Gaia
Participação livre

 

Scroll / Projeto do Visões Úteis de peça de Teatro para Smartphones

Esta “peça para smartphones” tem uma narrativa ficcional, atores de carne e osso e as ruas do Porto como cenário, mas é usufruída no ecrã de telemóvel do espectador, através de uma aplicação desenvolvida originalmente para o projeto.


2 mai 2019
11:00

Aula Magna

Fábio Duarte Martins / Óptica, Calibração e Design de Tipos

A grande parte do trabalho de design de tipos consiste em correções ópticas: pequenos ajustes para optimizar a performance de uma forma.
Fábio Duarte Martins irá dar uma conferência e um workshop.


3 a 5 jul 2019
Conferência
Aud. Pav. Sul

3 jul às 14:30

Workshop
PS 13B

14:30 às 17:30

Estética e hospitalidade: entre a experiência, o espectáculo e as imagens precárias / Rosa Benéitez Andrés

O conflito migratório experimentado pela Europa nestes últimos anos está a ser acompanhado por um imaginário desolador; precisamos de pensar como actuam essas imagens e como podem ajudar-nos a fomentar um sentimento de hospitalidade que logre sobrepor-se ao inalcançável ideal da hospitalidade total (dar-se ao outro sem condições) e à mera transacção de interesses.


2 mai 2019
16:00

Aula Magna

Distribuição dos corpos e representação das sobras no Brasil contemporâneo / Moacir dos Anjos

O Brasil é um país fundado em atos de violência cometidos pelos colonizadores europeus contra os povos indígenas e contra a população negra trazida à força da África e escravizada. Criações recentes sugerem, contudo, estar-se constituindo, naquele campo excludente, e em sintonia com transformações em curso em outros cantos, uma representação das sobras, a qual nomeia danos e reclama a condição de parte para aquilo que é considerado resto, redistribuindo, em novos lugares simbólicos, os corpos que habitam o país.


11 jun 2019
17:00

Aula Magna

Material Talks / Sintoma Practical Research Performance Workshop

Pia Euro (FI) e Rita Castro Neves (PT) realizam uma oficina de performance de oito horas, explorando as possibilidades metodológicas the uma oficina de investigação prática. A língua de trabalho será o inglês. Se está interessadx envie email até ao dia 24 de maio para prof.ritacastroneves@gmail.com.


27 e 28 mai 2019
FBAUP

À procura de mim / Carlos Nogueira

O escultor Carlos Nogueira irá orientar um seminário sobre a forma como a relação com o outro, o quotidiano e os modos de habitar se integram no processo criativo do artista, focando alguns dos seus projetos mais recentes.


28 mai 2019
11:00

Aud. Pav. Sul

Desenhos Ditados no Escuro / Carlos Nogueira

O workshop “Desenhos Ditados no Escuro” tem entrada livre. A participação no workshop, contudo, está limitada a 6 lugares disponíveis. Para mais informação contactar: desenho@fba.up.pt


27 mai 2019
Sala do Estúdio de Desenho

Ed. da Boa Hora

 

Radionómada / Uma viagem, Uma caminhada em rádio-mapa

Tendo como ponto de partida a obra multidisciplinar de Miguel Bonneville, com especial foco no seu mais recente projecto serial A Importância de Ser, o artista, Pedro Arrifano e Filipa Cruz conversam sobre o seu processo de desaparição/despersonalização através da arte, e de como esse mesmo processo coloca em causa problemas de várias ordens: funcionais, literárias, laborais, domésticas, religiosas, estéticas. A sessão será acompanhada por Inês Veloso, doutoranda em Artes Plásticas


28 mai 2019
16:30

Aula Magna

Claire de Santa Coloma / Proposições de um Processo Artístico — Ciclo CEM

2ª Estação do ciclo CEM: O Processo do Artista e a Experiência Incorporada:
A pretexto do trabalho de Claire Santa Coloma, centrado na economia de formas tridimensionais abstratas, Laura Castro, Claudia Amandi e a própria artista conversam sobre os inúmeros desafios às formas presentes e passadas da sua atividade artística. 


29 abr 2019
18:00

Aula Magna

Grabado Verde / Angélica Mirauda

Aula aberta e Workshop que pode ser acompanhada por todos os praticantes da gravura interessados numa primeira introdução ao tema.


27 fev 2019
14:00

Oficinas de Gravura

 

Exposição & Ensaio — práticas curatoriais investigativas / Mariana Pestana

Exposição & Ensaio traz à mesa de trabalho quatro curadores portugueses que abraçam diferentes modos de pesquisa e desafiam tanto os formatos convencionais de exposição como aqueles da investigação académica. Mariana Pestana é Arquitecta, curadora e Membro The Decorators.


19 mar 2019
17:45

Pav. Sul PS 45