Select Page

Há uma exposição que ajuda a contar a história da Escola Superior de Belas Artes do Porto

“Vistas de Exposição” é uma exposição sobre as Exposições Magnas que mostra fotografias inéditas dos acervos documentais da FBAUP e da Casa da Imagem.

Até março de 2021 no Pavilhão de Exposições da FBAUP

Foram dezasseis as Exposições Magnas que ocorreram, entre 1952 e 1968, na Escola Superior de Belas Artes do Porto (ESBAP). No início de cada ano letivo, eram reunidos e apresentados os melhores trabalhos escolares e projetos de encomendas públicas, concretizadas no ano letivo anterior, pelos estudantes e mestres da Escola nas áreas da Arquitetura, Escultura e Pintura.

“Vistas de Exposição” é uma exposição sobre a história dessas Exposições Magnas, resultantes da iniciativa do Arq. Carlos Ramos, então Diretor da Escola.

68 anos depois da primeira Magna, a Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP) expõe, pela primeira vez, várias fotografias que fazem uma viagem pelos tempos em que a comunicação da Escola com o exterior era maioritariamente feita através das suas iniciativas culturais, como exposições, concertos, palestras e publicações, que demonstram o espírito comunitário da Escola e revelavam os métodos de ensino e as políticas pedagógicas das Belas-Artes.

Em “Vistas de Exposição” são apresentadas maioritariamente fotografias da autoria de Teófilo Rego, fotógrafo que acompanhou a produção artística da cidade devido à sua relação próxima com os Arquitetos, Pintores e Escultores do Porto. Na exposição são também apresentadas obras selecionadas do acervo da FBAUP, associadas às vistas das exposições Magnas nas quais estão representadas.

Uma cronologia contextualiza as peças expostas relacionando-as com as sucessivas construções dos novos pavilhões da ESBAP, notícias na imprensa da época e referências a alguma da programação cultural desenvolvida em cada ano letivo.

Uma exposição de exposições

As dezasseis Exposições Magnas são apresentadas através das fotografias, resultado do estudo dos acervos documentais da FBAUP e da Fundação Manuel Leão – Casa da Imagem. “Vistas de Exposição” é uma exposição de registos, processos, estudos e provas académicas que testemunham os diferentes períodos de formação de um estudante das Belas-Artes e relatam o contexto das atividades culturais da Escola no panorama português, nas décadas de 1950 e 1960.

A importância da investigação

Estas fotografias mostram, pela primeira vez e de modo retrospectivo, um panorama destas exposições, afirmando-as como veículo para a investigação sobre obras de arte, políticas de educação artística e estratégias de exposição.

Recorrendo a dois acervos fotográficos ainda pouco divulgados, estas vistas constituem um recurso válido e “novo”, e contribuem para uma leitura crítica relativa ao acervo da FBAUP, assim como da sua história.

“Vista de Exposição” está patente no Pavilhão de Exposição da FBAUP até março de 2021 e pode ser visitada de segunda a sexta-feira entre as 10h e as 13h e das 14h às 18h. A entrada é livre mas todas as visitas devem ser reservadas com antecedência para um horário específico através dos contatos do Museu FBAUP.

Integram a exposição, além de fotografias de Teófilo Rego, Platão Mendes e Tavares da Fonseca, um filme do escultor Fernando Fernandes, e pinturas e esculturas de António Bronze, Augusto Gomes, Carlos Amado, Clara Menéres, Dario Boaventura, Elvira Leite, Henrique Pousão, Maria Luísa Abelha.

vistasdeexposicao.fba.up.pt
_
Pavilhão de Exposições FBAUP
Dezembro de 2020 a março de 2021
Segunda a sexta-feira
10h00 - 13h00 | 14h00 - 18h00
Av. Rodrigues de Freitas, 265, Porto
Entrada livre